Jovem Doutor

Parintins

Parintins, interior do Estado de Amazonas, foi a segunda cidade escolhida para trabalhar com o Projeto Jovem Doutor, idealizado pela Disciplina de Telemedicina da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). O projeto consiste em envolver estudantes do ensino médio e alunos da graduação para aprenderem conceitos de saúde e disseminá-los em suas comunidades.

Desde o mês de outubro de 2007, os estudantes da Universidade Estadual do Amazonas (UEA) e da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), que receberam treinamento dos universitários e profissionais da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), estão repassando conhecimentos básicos sobre saúde e qualidade de vida, aos estudantes do ensino médio da cidade. Câncer de pele e hanseníase estão entre os temas.

O material usado para o desenvolvimento do projeto inclui: vídeos do Projeto Homem Virtual, dinâmicas de grupo, cursos de teleducação interativa e listas de discussão na Internet, por meio de um Tutor Eletrônico.

Com este aprendizado, os alunos do Ensino Médio repassam os conceitos aprendidos a seus amigos, familiares e comunidade em geral, contribuindo para melhorar a qualidade de vida da cidade.

A videoconferência e o Tutor Eletrônico – ambiente virtual de educação – são meios utilizados na comunicação e troca de experiências entre os universitários do Amazonas e São Paulo (integrantes da Liga de Telemedicina da FMUSP). As ferramentas estão disponíveis no site do Projeto Jovem Doutor.

A equipe da Disciplina de Telemedicina da FMUSP é multidisciplinar, envolve médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, jornalistas, programadores, psicólogos, engenheiros ambientais, designers digitais, entre outros profissionais.

O projeto Jovem Doutor respeita as características e necessidades de cada região onde é aplicado, sempre com o objetivo de promover desenvolvimento social por meio da educação, saúde, inclusão, digital, cultura e preservação meio ambiente.