Jovem Doutor
Foto: Prefeitura de Santos

No dia 15 de março de 2019, no dia da Escola, os Jovens Doutores lotaram o Teatro Municipal Braz Cubas, em Santos, com grandes expectativas de construir a História do Futuro da Educação em Saúde para a Terceira Década do Século 21. O quinto ano do Projeto Santos Jovem Doutor marca a fase do Empreendedorismo Social Responsável, um novo modelo para a articulação social no Brasil. 

O sucesso do lançamento é detalhado pela Prefeitura de Santos, que publicou a reportagem “Programa focado na saúde de adolescentes é ampliado para novas turmas” contanto todas as novidades do PSJD – cinco anos.

Além disso, também traz depoimentos emocionantes de Jovens Doutores e Professores da primeira edição que hoje são universitários.

“Este projeto é incrível e nos faz querer crescer e ser alguém melhor. Se hoje luto pelos meus objetivos devo ao que aprendi aqui” – Jéssyca de Assis de Oliveira, 18 anos, caloura do curso de Direito no Centro Universitário Don Domênico.

“Com certeza não sou a mesma profissional de 2015. Neste período fiz mestrado, fui convidada para dar uma palestra na Polônia, participei de um Congresso em Cuba. Tive um crescimento pessoal e profissional”, professora Maria de Lourdes Medeiros.

“Eles passam a se ver como pesquisadores, desenvolvem a autonomia e outros valores essenciais. Vi de perto todo este processo enquanto estava como diretora da ‘Avelino da Paz Vieira’. Os alunos se sentem orgulhosos por fazer parte deste grupo”, Cristina Barletta, secretária da Educação de Santos.

“Os jovens nos inspiram a cada dia. Lógico que o projeto conta com o apoio de muitos profissionais da saúde e educação, mas sem os adolescentes o sucesso não seria o mesmo. Eles nos iluminam”, Fábio Ferraz, secretário da Saúde de Santos.